O evento integra a disciplina “representatividade em audiovisual” do curso de graduação em Cinema e Audiovisual da ESPM do Rio de Janeiro.

O objetivo é estimular os estudantes, que em breve serão realizadores, a pensar sobre essas questões e ampliar a diversidade em suas obras.

A mostra foi realizada entre os dias 29 de outubro e 1º de novembro de 2018, no auditório da Pós-graduação.

• PROGRAMAÇÃO

29/10 – JUNTAS: Respostas Feministas à Violência Urbana

Adeus à Carne (2017) – de Julia Anquier

Mate-me Por Favor (2015) – de Anita Rocha da Silveira

Debate com Julia Anquier diretora do curta Adeus à Carne; Dora Freind e Valentina Herszage, atrizes do Mate-me Por Favor.

 

30/10 – CINEMA QUEER

Convite Vermelho (2017) – de João Victor Almeida

Amanda e Monick (2008) – de André da C. Pinto

Mc Jess (2018) – de Carla Villa-Lobos

Vênus (2018) – Isabella Villalba

Debate com João Victor Almeida; Caroline Sherer, produtora, roteirista e editora de Vênus; Carla Villa-Lobos e André da C. Pinto.

 

31/10 – CINEGRITUDE

Sobre a representatividade do negro no audiovisual, diferenças de classe, colorismo e outras questões referentes a raça.

5x Favela Agora por nós mesmos (2010) – de Cacau Amaral e Cadu Barcelos

Amada Luta (2014) – Amaury Lorenzo

Echarpe Noir (2018) – de Bárbara Fuentes

Debate com Quinto Ribeiro, editor do 5x Favela Agora Por Nós Mesmos e Bárbara Fuentes diretora de Echarpe Noir.

 

01/11 – SESSÃO AMARELA

O Poste (2016) – de Lucas Abreu

Isolado (2017) – de Marina Wilson

Debate com Lucas Abreu e Marina Wilson, diretores.